Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Myriam Castro em Seg Out 13, 2008 6:55 pm





JOGO DE PODER

"Diz-se que o poder corrompe, mas atualmente é mais verdade que o poder atrai o corruptível.
Os sãos são usualmente atraídos por outras coisas que não o poder."

David Brin


Dylan levantou os olhos dos flexis que estavam sobre a sua mesa, quando a campainha da porta soou. Ele disse para entrar, e logo Beka estava diante dele. Ele perguntou o que podia fazer por ela, enquanto reclinava-se em sua cadeira, esticando-se para ficar mais confortável.
Ela o olhou por um momento, e lhe pediu para se ausentar por uns dias, pois segundo ela, precisava de algum tempo consigo mesma. Ela disse que só precisava de dois dias, e Dylan lhe perguntou se alguma coisa ia errado. Ela sorriu, e respondeu que não ... só queria uma folga.
Ele sorriu com simpatia. Sabia que ela não estava dizendo tudo, mas também sabia que, se a pressionasse, ela se fecharia. Assim, ele lhe deu três dias, e ela, agradecida, retirou-se.

Algum mtempo depois, Dylan estava na Ponte, e de repente ergueu o olhar do console de comando. Tinha a nítida sensação de que estava sendo observado, mas os outros estavam em seus postos habituais, e ele voltou a se concentrar no que estava fazendo. E novamente, a mesma sensação o invadiu, e de repente, alguém fez um "aham" perto dele, e ele viu Trance. Era ela quem o observava. E parecia ter algo muito importante para falar com ele. Ela logo entendeu que era uma conversa particular, e assim, ele a convidou a acompanhá-lo. Quando se viram sozinhos, ele perguntou o que se passava.
Trance, então, lhe fez ela mesma uma pergunta ... se ele sabia aonde Beka tinha ido. Ele deu de ombros, e disse que ela não tinha sido muito específica, e logo seu "alarme interno" se manifestou. Trance disse então que achava que Beka estava em apuros. Ele não perdeu tempo em perguntar o porquê ... apenas lhe pediu uma sugestão sobre onde começar a procurar.
Foi quando Andromeda o interrompeu, anunciando uma mensagem confidencial. Dylan e Trance se entreolharam. Ele pediu à IA que transferisse para os seus aposentos,, e foi para lá, com Trance bem na sua cola. Ele estreitou os olhos, lembrando a ela o caráter da mensagem, mas Trance, sempre persuasiva, lhe disse que entendia, mas que sentia que precisava estar ali. Assim, sentaram-se ambos para ouvir a mensagem.
Um holograma surgiu sobre a escrivaninha, mostrando Beka caída ao chão, parecendo inconsciente, com um feio hematoma no rosto. Dylan suspendeu a respiração, ao mesmo tempo em que Trance engoliu em seco. Ela disse, num fio de voz, que Beka estava viva. E então, a imagem se ampliou, e eles viram uma figura que muito conheciam: Tyr Anasazi!
O Nietzschean o cumprimentou, e foi direto ao assunto. Ela queria o Motor da Criação. Sabia que Dylan o tinha, e queria trocá-lo pela vida de Beka. Ou Dylan lhe entregava o Motor, ou ele simplesmente a mataria. E a mensagem continuava com uma série de instruções e coordenadas para que Dylan seguisse. Enquanto os dados eram transmitidos, a mente de Dylan trabalhava freneticamente, tentando encontrar alguma maneira de contornar aquela situação, e trazer Beka sã e salva de volta para a Andromeda. Quando a transmissão terminou, Dylan chamou novamente a IA, que tinha gravado tudo, e lhe perguntou se havia alguma especificação para que ele fosse sozinho. Andromeda não confirmou nada quanto a isso, e Dylan, já com um plano na mente, pediu a ela que chamasse Harper e Rhade.

Continua ...


Última edição por Myriam Castro em Dom Nov 16, 2008 12:26 pm, editado 1 vez(es)

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Myriam Castro em Seg Out 13, 2008 8:14 pm

Continuando ...

(Um dia antes) ...
Beka caminhava pelas ruas de Desperado Drift, quando teve a sensação de que estava sendo seguida. Não demorou muito, e dois enormes Nietzscheans se acercaram dela, com uma atitude nada amigável. Ela ordenou que saíssem do seu caminho, mas eles nem se mexeram. Pelo contrário ... quando ela desviava, eles sempre se colocavam na frente dela, impedindo que continuasse, até que um deles disse que ela devia acompanhá-los. E chamou-a de "Matriarca", em tom de sarcasmo.
Ele disse que seu líder estava ansioso para se encontar com ela, e a foi empurrando de encontro a uma parede.
Então, quando ela perguntou quem seria esse líder, uma larga porta se abriu, dando para um espaçoso galpão. Os dois homens a agarraram sem a menor cerimônia, enquanto ela, sem mostrar o mínimo temor, se debatia para se libertar. Encarando um deles bem nos olhos, ela perguntou aonde estava o "grandão" ... até que se viu frente a frente com a figura impressionante de ... Tyr Anasazi.
Virando-se para os seus captores, ela sorriu com desdém. Ora, ora, com que então dois distintos cavalheiros se desonravam ao ponto de aceitar ordens de um sujeito que se dizia "líder", mas que nem mesmo tinha lâminas!
E voltando-se para Tyr, ela rosnou que ele era um covarde, pois a tinha atraído a uma armadilha mencionando o nome de seu irmão Rafe, e fazendo-a pensar que era seu prisioneiro. Tyr deu aquele seu sorriso insinuante e irônico, e respondeu que foi a única maneira que ele encontrou para fazê-la - e com ela, o próprio Dylan - vir correndo para ele ...
Beka exigiu que a libertasse, pois não tinha nada a ver com ele. Mas Tyr disse que estava errada ... tinha, sim!
E quando ela perguntou o que ele queria, ele respondeu: "O Motor."
Ela deixou cair o queixo. Então ele lhe disse que sabia que Dylan tinha o Motor da Criação, e que o utilizara recentemente ... e citou "um certo planeta" que estava localizado onde antes existira a terra, e que estava sendo povoado com escravos libertados de diversas colônias. E o nome do lugar, curiosamente, era "Nova Terra".
Ela disse que nunca ouvira falar. Mas ele repetiu que queria o Motor. E ela, Rebecca Valentine, Primeira-Oficial da Andromeda Ascendant, ia consegui-lo para ele.
Beka sorriu com desdém. Ele que continuasse sonhando, porque ela nunca o ajudaria para salvar sua própria pele. Tyr sabia disso muito bem. E quando ela se inclinou para a frente, para encará-lo com atitude desafiadora, o aperto dos seus captores afrouxou um pouquinho ... o suficiente para que ela, com impressionante agilidade, se desvencilhasse deles e investisse contra Tyr, apanhando-o de surpresa e quase o derrubando.
Ele reagiu à altura, e desferiu sem a menor cerimônia um soco no rosto dela, que caiu sem sentidos no chão a seus pés. Ele fez sinal aos capangas para levarem Beka para o seu QG. Tinha uma mensagem para enviar, e não ia perder tempo.

Com todos reunidos, Andromeda repassou a mensagem de Tyr. Harper ficou tão apreensivo, que se levantava de sua cadeira e abria a boca para falar algo, mas Dylan o calava. Quando a mensagem terminou, Dylan comentou que pelo menos eles agora sabiam o que Tyr andava aprontando.
Para Rhade, aquilo não tinha graça nenhuma ... Dylan disse que Tyr era bem capaz de matar beka, se não entregassem o Motor a ele. O Nietzschean tinha atraído Beka para uma armadilha, sabe-se lá como, e a tinha aprisionado certamente para atrair Dylan. Aparentemente, ele soubera do Motor, e estava convencido que Dylan o tinha a bordo da Andromeda.
Rhade estreitou os olhos. Observou a interessante coincidência entre o sequestro e a cruel tortura inflingida a Dylan menos de duas semanas antes, e agora a captura de Beka. Dylan concordou ... ele também já ligara os dois fatos, e chegara à conclusão de que Tyr fora o mandante de seu sequestro. Tudo por causa do maldito Motor!

Continua ...


Última edição por Myriam Castro em Ter Out 14, 2008 8:03 pm, editado 2 vez(es)

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Myriam Castro em Seg Out 13, 2008 9:34 pm

Continuando ...

Então Dylan notou que Trance estava muito quieta. Ela disse então que, em relação a Tyr, tudo era perigoso. O Capitão resmungou que, agora que o Motor fora desmantelado e tivera suas partes espalhadas pelas estrelas afora, ninguém ali precisava de ter aquele "Napoleão Nietzschean" tentando pôr as mãos nele ...
Andromeda informou que conseguira rastrear a Maru até um local chamado Desperado drift. E nos bancos de memória da nave, havia registro do que Tyr usara para atrair Beka: ele blefara, dizendo a ela que tinha seu irmão Rafe em seu poder.
Bem, agora sabiam para onde Tyr levara Beka. Mas Andromeda disse também que tinha a informação de que Rafe estava preso em Sinti, por perturbar a ordem e outros crimes. Portanto, Tyr mais uma vez mentira. E não tinha a menor consideração se Beka era a Matriarca ou não ... na verdade, o fato de Beka o ser, somente tornava as coisas mais perigosas para ela, já que Tyr não admitia concorrências genéticas.
Além do mais, ele ainda guardava ressentimentos por causa da morte do filho.
Porém Dylan, como sempre, tinha um plano ... ele perguntou a Harper se poderia confeccionar uma réplica do Motor. O engenheiro ficou incrédulo. Mas, será que ele não notaria a diferença? Ao que Dylan replicou que não, pois com toda certeza nunca o havia visto, nem em partes, e muito menos montado.
Eles teriam que buscar a Maru ... isto é, se Tyr não a tivesse levado de Desperado Drift. Rhade perguntou-lhe por que ele ia precisar da Maru, e Dylan disse que sabia que Tyr queria a Andromeda tanto quanto queria o Motor. Ele, Dylan Hunt, não estava disposto a arriscar sua nave de jeito nenhum. A IA se manifestou, agradecendo ao seu Capitão pelo zelo para com ela.
Encontraram a Maru em Desperado Drift, e depois de se certificar que Tyr não tinha colocado ali nenhum tipo de armadilha, levaram-na de volta à Andromeda. Dylan deixou Rhade no comendo, caso Tyr resolvesse tentar algum ataque de surpresa ... Rhade era muito hábil, e saberia lidar com isso. Rhade sorriu. Ele tinha certeza de que podia muito bem dar conta de Tyr Anasazi e aquele seu "bando de rufiões", se se atrevessem a chegar perto de Andromeda.
E Harper também ficaria a bordo, pois era quem estava mais preparado para efetuar quaisquer reparos que se fizessem necessários. Harper protestou, pois queria muito ir ao resgate de Beka, mas o olhar de Dylan foi o bastante para ele desistir da intenção. Dylan levaria apenas Rommie e Trance.
Depois de terminada a reunião, Dylan chamou Trance em particular, e perguntou a ela o que a incomodava. Trance mordeu o lábio inferior, um pouco tensa, e disse que não era nada específico ... mas ela tinha sentido a morte de alguém.
Dylan ficou pensativo. Bem, pelo menos estavam preparados.
Que droga, nunca era fácil!

Dylan tinha forçado a si mesmo a deitar e descansar, mas não conseguia dormir. Ele pedira a Rommie para avisá-lo quando Harper tivesse terminado de fazer a réplica.
Minutos depois, quando Rommie tocou o bip da porta, Dylan mandou-a entrar. Ele estava no chuveiro, e Rommie, olhando naquela direção (para variar! ...), pode ver o vulto dele através do painel fosco.
Assim que ele saiu, já completamente vestido, ela anunciou que Harper tinha terminado a tarefa. Dylan ficou satisfeito ... então estavam adiantados, e tanto melhor, pois poderiam colocar a Andromeda a uma distância segura, quando chegassem ao covil de Tyr. Dylan queria ver como a réplica funcionava, antes de embarcar.
Harper chegou ao hangar com o falso Motor nas mãos. Era uma réplica perfeita em todos os detalhes - até na maneira como se encaixavam as "partes" - sendo apenas um pouco menor.
Rhade achou estranho, mas o engenheiro disse que, como Tyr nunca o havia visto, não desconfiaria do embuste. E por falar em desconfiar, ele tinha até mesmo instalado no falso artefato um dispositivo que emitia uma certa carga de energia, para completar a artimanha.
Assim, o Nietzschean ficaria de fato convencido que se tratava do verdadeiro Motor da Criação. Eles tinham que ser bastante criteriosos e ágeis, pois Tyr detestava perder, e com certeza, se achasse que poderia ter os dois - Beka e o Motor - não hesitaria em matar Dylan para conseguir seus objetivos. E Dylan sabia disso.
Harper estava confiante. Ele garantiu que, quando Tyr descobrisse que fora enganado, eles já estariam com Beka a bordo da Maru, longe dali.

Continua ...


Última edição por Myriam Castro em Ter Out 14, 2008 8:05 pm, editado 1 vez(es)

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Myriam Castro em Seg Out 13, 2008 10:27 pm

Continuando ...

Eles estavam cinco horas adiantados, quando chegaram ao alcance dos sensores de seu destino, e não demorou muito para a IA da Maru anunciar que eles estavam sendo escaneaos. Ainda bem que a assinatura de energia do falso Motor era bem convincente ...
Quando atracaram na estação, Dylan, Trance e Rommie desembarcaram, cada uma das mulheres flanqueando Dylan, enquanto ele segurava o falso Motor nos braços.
Eles descobriram que estavam na verdade próximos à entrada de uma gigantesca caverna artificial. Finalmente, Tyr apareceu. Ele cumprimentou Dylan, e recebeu como resposta a pergunta sobre onde estava Beka. Dylan exigiu que a trouxesse, e então poderiam fazer a troca. Tyr chegou a sorrir com sarcasmo, lembrando a Dylan que ELE é quem dava as ordens ali (até que percebeu quem estava na companhia de Dylan ... as duas mais poderosas criaturas que ele conhecia, com as quais ele sabia muito bem que não podia brincar ...) e Dylan comentou em voz alta que ele ainda tinha suas ilusões doentias de grandeza.
Tyr olhou-o com uma expressão de puro ódio no rosto. Dylan continuou, dizendo a Tyr que sabia o que ele queria, e que ele, por seu lado, queria Beka, e não se importava em deixar o Motor ali.
Tyr a princípio estranhou o fato de Dylan não se apegar ao Motor ... afinal, quem o tivesse, seria invencível - até que se lembrou do que verdadeiramente o Capitão era. E Dylan lhe replicou que a vida de Beka era para ele mais valiosa do que qualquer poder do Universo. Tyr disse ser aquela a fraqueza de Dylan, mas o Capitão nem se abalou.
Então, a um sinal do líder, dois Nietzscheans trouxeram Beka, que ao ver Dylan, sorriu e piscou para ele, em sinal de que estava bem. Lentamente, eles se aproximaram, ao mesmo tempo que Dylan também caminhava para eles. O Capitão colocou o Motor no chão, e Beka foi atirada na sua direção. Mais que depressa, Trance e Rommie a levaram para bordo da Maru.
Tyr sacou sua arma e a apontou para Dylan, agora que ele estava sozinho. Disse que não sairia dali até que testasse o Motor. Dylan se afastou, e o outro então pegou o artefato. Tyr sorriu. Podia sentir a emanação de poder do Motor, e disse a Dylan que ele era um tolo. Com um sorriso condescendente no rosto, Dylan lembrou-lhe que o Motor apenas ia funcionar se as intenções fossem boas ... por isso era bom pensar muito bem antes de ativá-lo. Dito isso, voltou-se e caminhou de volta para a Maru, sem olhar para trás. Tyr apontou o artefato na direção de Dylan, na clara intenção de matá-lo, e ativou o Motor ...
O que aconteceu a seguir foi de tal forma surpreendente, que deu tempo para Dylan correr e embarcar na Maru. E em segundos, estavam decolando.
Enquanto isso, o caos se instalara na entrada da caverna. Tyr gritava, sem poder se desvencilhar daquele artefato, enquanto uma forte descarga elétrica percorria seu corpo, com tal intensidade, que suas roupas começaram a derreter, queimando sua pele. Os guerreiros correram para acudi-lo, mas não conseguiram livrá-lo de levar pelo menos mais duas descargas.
Os Nietzscheans tiveram uma grande bagunça para limpar naquele dia ...

Mais tarde, já a bordo da Andromeda, Dylan comentou com Harper que não lhe tinha sido informado que o "Motor" era tão perigoso. O engenheiro, com ar de inocência fingida, piscou um olho para ele e explicou que imaginara exatamente aquilo: uma vez que Tyr tivesse o artefato nas mãos, iria tentar usá-lo contra Dylan, e assim, o programara para reagir de forma a dar "aquele choque" no incauto.
Dylan não deixou de lamentar, pois Tyr tinha sido seu tripulante por um bom tempo, e ele, no fundo, não achava que merecia morrer. Mas Harper lhe lembrou que, embora tivesse sido "chocante" - literalmente - ele não acreditava que Tyr morrera. Entretanto, concluiu, só por precaução, colocara no pequeno gerador do artefato a capacidade de dar mais uns bons três ou quatro choques, caso a lição não tivesse sido bem aprendida ...
Além disso, agora todos os Nietzscheans estavam com medo de utilizar o Motor, e poderiam se passar milênios até que surgisse algum com coragem suficiente para ao menos chegar perto do artefato. Dylan na verdade só criara uma nova lenda, e isso faria com que muitos que tivessem intenções ruins desistissem.
Dylan sorriu, e disse a Harper que fora um bom trabalho ...

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Myriam Castro em Seg Out 13, 2008 10:32 pm

Ora essa ! ...
Então foi o pirata do Tyr que mandou fazer toda aquela maldade com Dylan!
Ele viu que Dylan jamais falaria, mesmo sob tortura, e resolveu jogar com o sentimento dele: se ele não temia a própria morte, o que será que achava de ver um de seus amigos sofrer? ...
Puxa, isso é que é ser cruel!
Mas a nossa "raposa do espaço" e sua equipe usaram de sua genialidade - com a qual o Nietzschean se esquecera de contar, e isso foi seu erro fatal - para dar a Tyr um pouco do seu próprio remédio!

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Manto Negro em Sex Out 31, 2008 6:34 am

Puxa!!! Que viagem, eu realmente não me acostumo com a idéia de que Tyr seja um vilão... eu gosto do jeitão dele... mas sei que tem muita coisa de Andromeda que eu desconheço.

Mas Myriam, estou com uma sensação de que perdi uma parte da história... depois que criaram a nova Terra, o motor foi espalhado em várias partes é isso? Ou isso que está acontecendo foi antes de eles acharem todas as partes e criarem a nova Terra?
:confused:

Manto Negro

Número de Mensagens : 2868
Idade : 40
Location : Santa Tereza de Goiás- GO
Data de inscrição : 26/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  mara em Sex Out 31, 2008 9:33 am

Aqui, Vivi. :hellohands:

http://kevinsorbo.forumotion.com/tv-series-andromeda-f3/temporada-virtual-vi-21-a-new-beginning-p1-t205.htm#3026

http://kevinsorbo.forumotion.com/tv-series-andromeda-f3/temporada-virtual-vi-22-a-new-beginning-p2-t211.htm


Então, Myriam, foi nosso velho e covarde Tyr que inflingiu tanto sofrimento a Dylan! Levou o que mereceu! Amei este episódio, querida...e qual não é incrível?

_________________
No one should never give up, ever! Do what makes you happy, what you are passionate about!

mara

Número de Mensagens : 18928
Location : São Paulo, Brasil
Data de inscrição : 02/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Myriam Castro em Sex Out 31, 2008 12:26 pm

Pois é, Vivi ...
Dylan e sua equipe conseguiram encontrar todas as partes do Motor da Criação, e o Conselho de Tarn Vedra chamou Dylan e praticamente o intimou a usar o poder do Motor para criar um novo planeta, onde pudessem fixar as populações de ex-escravos de colônias Nietzscheans.
Dylan e Trance sabiam que somente três pessoas eram as chaves para ativar o artefato ... ele mesmo (o Paradine), a própria Trance (avatar de uma estrela, e "protetora" do Paradine), e Rommie (Andromeda, a nave, através de sua avatar, que era a protetora da Comunidade), e que somente funcionava quando as intenções fossem boas.
Porém, o poder do Motor era tão grande, que se tornaria um perigo em mãos erradas, e por isso Dylan resolveu separar as partes e espalhá-las pelos quatro cantos do Universo - até em tempos diferentes.
Assim, mesmo que Tyr conseguisse encontrar essas peças, e as juntasse, o artefato jamais funcionaria com ele ...
Ele não era Paradine, não havia com ele um avatar de estrela, e também não tinha Andromeda ... e além disso tudo, seu coração estava carregado de intenções ruins, ódios e ressentimentos.

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Manto Negro em Sex Out 31, 2008 1:43 pm

Ah sim!!! Valeu Mara!!! Myriam!!! :flower:

Manto Negro

Número de Mensagens : 2868
Idade : 40
Location : Santa Tereza de Goiás- GO
Data de inscrição : 26/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Convidad em Sab Nov 01, 2008 12:42 pm

Assim como tu, Vivi,eu também gostaria que Tyr não tivesse deixado o mal tomar conta dele. Mas enfim, alguém muito melhor o substituiu, Rhade. Este foi sincero o tempo todo!

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Manto Negro em Sab Nov 01, 2008 1:02 pm

Pois é... eu sempre achei que Tyr é que seria o companheiro fiel de Dylan, a época de Rhade eu não sei nada... :x

Manto Negro

Número de Mensagens : 2868
Idade : 40
Location : Santa Tereza de Goiás- GO
Data de inscrição : 26/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  mara em Sab Nov 01, 2008 1:46 pm

Myriam, Rommie continua com essa mão boba virtual...:whistle:

_________________
No one should never give up, ever! Do what makes you happy, what you are passionate about!

mara

Número de Mensagens : 18928
Location : São Paulo, Brasil
Data de inscrição : 02/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Myriam Castro em Ter Nov 04, 2008 6:12 pm

É ...
Ela não tem jeito mesmo!
Danadinha, hein? Com as suas capacidades cibernéticas, ela aproveita para "tirar uma casquinha" de Dylan sempre que pode ...
Mas, ao mesmo tempo, uma sortuda, não é? ...
Imaginem só ... correr os "olhos" por um "monumento" daquele!

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Myriam Castro em Ter Nov 04, 2008 9:34 pm

E voltando a Tyr ...
Bem, essa cobiça dele pelo Motor da Criação explica também o fato de que ele sempre quis por as mãos em Andromeda ... na verdade, ele tinha um grande interesse nela desde o início - lembram quando ele pareceu ficar revoltado quando Dylan "desperdiçou" todas as bombas Nova do arsenal no buraco negro, logo no começo da saga? Ele no fundo, aceitou ficar com Dylan não por causa daquela "conversa-mole de Alta Guarda", mas por que poderia, com o tempo, estudar a possibilidade de matar Dylan e se apossar da nave. Ele sabia muito bem o tremendo poder de fogo que teria com uma nave daquelas ... isto é, se conseguisse controlar a IA, caso realmente matasse Dylan.
Esse cara sempre foi um pilantra dissimulado ... talvez tivesse aprendido a ser assim, pois era o último de seu clã, e passara por muitas dificuldades para sobreviver.

Completamente ao contrário dos Rhade - até mesmo Gaheris, o antigo Primeiro-Oficial de Dylan, que tentou matá-lo no começo e acabou passando por traidor, tinha no fundo um plano para impedir que Andromeda fosse destruída por uma frota mais numerosa, e fazer com que Dylan "saísse de cena" durante uns tempos, preservando sua vida ... porque ele certamente sabia que um dia, Dylan retornaria e consertaria tudo.
Seu descendente, Telemachus, surgido anos mais tarde, revelou-se ser um indivíduo honrado, leal e corajoso, um verdadeiro amigo. E que tinha Dylan como seu herói e exemplo de vida.

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Convidad em Qua Nov 05, 2008 7:06 am

Myriam, gostei muito desse teu resumo sobre a personalidade dos 3 . Eu penso exatamente assim. Grande!

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Myriam Castro em Sab Nov 08, 2008 12:04 am

Pessoal, já estou quase terminando o próximo episódio, e na próxima semana poderei postá-lo.
Aguardem ...Shocked

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  mara em Sab Nov 08, 2008 7:45 am

Myriam, você está trabalhando nele até essa hora? Puxa, obrigada!:kisss:

_________________
No one should never give up, ever! Do what makes you happy, what you are passionate about!

mara

Número de Mensagens : 18928
Location : São Paulo, Brasil
Data de inscrição : 02/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Myriam Castro em Sab Nov 08, 2008 11:52 am

Bem ...
Esse próximo episódio precisou de algumas "pesquisas", pra ver se eu não estava interpretando muito fora do contexto ... e o tema era ao mesmo tempo "delicado" e cômico.
Mas deu certo. Ficou legal.

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Convidad em Dom Nov 09, 2008 5:07 pm

Então vamos esperar ansiosamente. Mas não te apressa, nós temos tomos paciência...

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Manto Negro em Ter Nov 11, 2008 2:27 pm

É, nós esperamos... fique tranquila! :kiss:

Manto Negro

Número de Mensagens : 2868
Idade : 40
Location : Santa Tereza de Goiás- GO
Data de inscrição : 26/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Myriam Castro em Ter Nov 11, 2008 2:31 pm

Já podem passar lá! Acabei de postar!

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Convidad em Ter Nov 11, 2008 2:35 pm

Vou ler hoje à noite, pois agora já tenho aula de novo!
Ai curiosidade!

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Temporada Virtual VII-07 - Power Play

Mensagem  Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 2:38 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum