A SAGA : I- 16 - The Sum of its Parts

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A SAGA : I- 16 - The Sum of its Parts

Mensagem  Convidad em Dom Fev 15, 2009 4:07 pm

(postando pela Myriam)




caps: esta é a primeira:
http://s392.photobucket.com/albums/pp5/galeria_andromeda_saga/?action=view&current=116_cap001.jpg




I – 16 - THE SUM OF ITS PARTS
A SOMA DAS SUAS PARTES
História original de Celeste Chan Wolfe

“Entre o nascimento e a morte repousa o desejo,
Desejo pela vida, pelo amor, por tudo o que é bom.
E esta é a origem de todo o sofrimento.”
Consenso dos Exilados 17.
CY 100942

Beka e Trance estavam conversando com Rommie na Maru, tentando convencê-la a usar outras roupas e não os uniformes. Beka ficou curiosa e perguntou a Rommie como ela escolheu sua “aparência”, e ela explicou que experimentou várias misturas até chegar num visual que ela gostava. De repente soou o alerta. Estavam chegando a um campo de destroços, e elas foram para a Ponte.

Alguns pedaços bateram contra a nave e se moveram para um dos hangares. Dylan e Tyr foram até o hangar com as armas em punho, e quando chegaram, perceberam que a comporta de descompressão estava se abrindo. Alguns pedaços entram rodopiando, até se unir e formar uma espécie de andróide. Ele se apresentou como “Bio-Consciente Contato HG1966HXCN-5” e pediu para ser levado à presença do líder. Dylan pediu a Andrômeda para ativar um modo de alerta e se adiantou. HG comentou que veio em paz e pediu um “abraço ritual”.

HG informou que era um emissário do “Consenso das Partes”, e que foi criado, juntamente com outros como ele, para ir em busca da Andrômeda quando o Consenso soube que ela havia reaparecido.

Tyr achava que HG era parte de uma armadilha, pois sua aparência era “muito inocente” para ser verdadeira. Dylan estava disposto a, pelo menos, descobrir o que o Consenso queria com a Andrômeda. HG se ofereceu para interfacear com Rommie para fazer um upload de informações navegacionais para ela. O que fez Tyr ficar ainda mais desconfiado, e Dylan estreitar os olhos, concordando com o Nietzschean ...

Dylan e Rommie observavam enquanto Trance e Harper vigiavam HG. Ele disse que tinha receio de deixar Rommie interfacear com ele, mas ela achava que com seus firewalls todos bem ativados, poderia se proteger. Dylan concordou, com certa relutância.

Na Ponte, HG e Rommie fizeram a ligação, enquanto Harper se conectava pelo data-port para monitorar os dois. Depois do upload, Rommie estava bem, ficou um pouco “tonta” com o volume e a velocidade do upload.

Beka fixou o curso e entrou em turbilhão, mas HG ficou com ela na Ponte enquanto ela navegava, e a estava irritando com suas perguntas e comentários. Ela chamou Trance e pediu que o levasse para um tour pela nave. Ele começou a aprender um pouco sobre a tripulação e quando chegaram à Hidroponia, Trance o ensinou sobre flores bonitas.

Beka conduziu Andrômeda para fora do turbilhão e imediatamente eles receberam uma saudação de uma nave muito maior do que a Andrômeda. Veio a bordo então VX-1583, representando o Consenso, para avaliar a nave. Em seguida, ordenou a HG que se “desfizesse”, pois sua missão fora concluída.

Dylan levou VX para um tour pela nave, mas mostrou apenas as áreas não-confidenciais, pois não confiava em VX. O Consenso acreditava que uma nova Comunidade seria um desastre e um perigo para eles, pois queria que a Andrômeda fizesse parte dele. Dylan lhe explicou que Rommie tinha livre-arbítrio, e ela acrescenta que “nem morta” se juntaria ao Consenso e abandonaria Dylan e os outros.

Trance avisou a Dylan que HG ia “morrer” ao se desfazer, e que ele não queria isso. Mas por outro lado, ele disse que era um perigo para a nave, e pediu a Dylan que lhe deixasse dar seu “adeus”.

Assim que todos estavam reunidos, ele começou a retirar certas partes suas e lhas entregou, uma para cada um, de acordo com a personalidade. Para Trance, ele deixou seu “coração”. Então, despediu-se e se desfez, deixando a nave.

Enquanto isso, Rommie mais uma vez rejeitava a proposta de VX. Tyr então o escoltou para garantir que ele deixaria a nave. Então, as partes de HG começaram a ganhar vida própria ... Assim que VX deixou a Andrômeda, Dylan quis logo sair do quadrante, mas a nave passou a apresentar flutuações de energia, e não demorou muito para que todos os sistemas “apagassem”.

Descobriram então que os pedaços de HG estavam como que “germinando”, espalhando estranhos filamentos de carbono, como parasitas, que não podiam ser removidos sem destruir Andrômeda.

Todos então chegaram à conclusão que HG e VX estavam trabalhando juntos para sabotar a nave. Logo a voz de VX se fez ouvir, dizendo que Andrômeda era uma ameaça ao Consenso e que seria destruída. Então, ocorreu algo estranho: VX começou a atirar na nave, quando aparentemente poderia dominá-la com e tecnologia invasiva ... porém esta última estava na verdade tentando reativar os sistemas!

De repente Rommie começou a falar como HG ... ele a tinha também “invadido”. HG disse que só queria viver, e fazer parte da tripulação, e achou que podia se esconder de VX infiltrando-se nos sistemas de Andrômeda. Mas havia perdido o controle de suas próprias partes. Dylan, percebendo que podia tirar proveito da situação, ordenou que Rommie e a IA se rendessem a HG, pois ele ia tirá-los de lá. VX se aproximava ...

Logo HG conseguiu reativar o turbilhão, e Beka saltou com a nave. Mas VX conseguia segui-los, mesmo em turbilhão! Enquanto isso, Dylan estudava uma maneira de salvar tanto Andrômeda quanto HG. E pediu a Beka para levá-los novamente ao campo de destroços, ao mesmo tempo em que explicava a HG que, se ele queria mesmo viver, precisava encontrar um motivo ... e tornar-se o líder daquele campo de destroços era o motivo. HG aceitou a idéia, e conseguiu “convencer” as demais partes a se unirem contra VX. Os destroços então, envolveram Andrômeda como uma “armadura”, ao mesmo tempo em que as partes do próprio VX se soltavam de sua “nave” e se uniam a HG. E quando VX tentou combater HG, as partes se voltaram contra ele, destruindo-o. Então, todas as partes remanescentes, de ambos os lados, se aglutinaram e formaram outra entidade, denominando-se “Outcast Consensus 1”. Recém-formados, queriam aprender, e agradeceram à tripulação da Andrômeda por terem ensinado sobre a amizade, e partiram em paz. Rommie comentou que ia senti falta de HG, e Trance fez uma homenagem ao mesmo, enterrando o seu coração no jardim.

(Sinopse feita por Myriam)

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA : I- 16 - The Sum of its Parts

Mensagem  Myriam Castro em Dom Fev 15, 2009 4:15 pm

Bem ...
Este episódio mostrou a Dylan que, naquele tempo, tudo se havia tornado mesmo diferente ... até a mentalidade das IA's precia bem mais complexa do que no seu tempo.
E nos faz lembrar de que o "coração" daquele ser, HG, viria a ser uma das partes do lendário "Motor da Criação".
Será que foi por "coincidência" que HG fez aquele contato justamente com Andromeda, e juntamente, com Dylan, Rommie e Trance ...?
Mais tarde, comecei a desconfiar que não ...

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA : I- 16 - The Sum of its Parts

Mensagem  mara em Dom Fev 15, 2009 5:30 pm

O título tem a ver com a teoria de que "A soma das partes é maior do que o todo" - cada um de nós, por exemplo, quando unidos, fazemos coisas que não são esperadas, nos tornamos maiores...e coisas impossíveis são capazes de se realizarem. Também significa que tudo está ligado, sistemas menores ligados a sistemas maiores até os confins do Universo. Um exemplo legal é a própria natureza, onde a ecologia funciona maravilhosamente...e nosso corpo, com os sistemas internos interligados, promovendo a vida. Um sistema realimenta o outro e toda a natureza se equilibra sozinha, quando não interferimos. Vale para toda a Vida.
E você lembrou bem, Myriam, quando disse que o coração de HG era importante. O final do filme é muito bonito. Valeu, querida.
Muito engraçada a cena em que Dylan mede seu tamanho com o de VX, que é mais alto.:#82:

_________________
No one should never give up, ever! Do what makes you happy, what you are passionate about!

mara

Número de Mensagens : 18928
Location : São Paulo, Brasil
Data de inscrição : 02/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA : I- 16 - The Sum of its Parts

Mensagem  Myriam Castro em Seg Fev 16, 2009 6:46 pm

É, foi engraçada, mesmo.
Seu "xará" (aquele era Kevin Durand, se não me engano?) é uns bons centímetros mais alto ... pelo menos passa essa impressão.
Imaginem que pitoresco ... todos circulando pelos sets junto com esses dois grandalhões! Sem dúvida, eles deviam chamar bastante a atenção, quando estavam contracenando juntos, hein?

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA : I- 16 - The Sum of its Parts

Mensagem  mara em Seg Fev 16, 2009 10:02 pm

Era sim, Myriam, Kevin Durant depois volta na 5a. temporada como Elysian.Very Happy

_________________
No one should never give up, ever! Do what makes you happy, what you are passionate about!

mara

Número de Mensagens : 18928
Location : São Paulo, Brasil
Data de inscrição : 02/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA : I- 16 - The Sum of its Parts

Mensagem  Myriam Castro em Seg Fev 16, 2009 11:21 pm

O próprio ...

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA : I- 16 - The Sum of its Parts

Mensagem  Myriam Castro em Ter Jan 19, 2010 6:31 pm

mara escreveu:O título tem a ver com a teoria de que "A soma das partes é maior do que o todo" - cada um de nós, por exemplo, quando unidos, fazemos coisas que não são esperadas, nos tornamos maiores...e coisas impossíveis são capazes de se realizarem. Também significa que tudo está ligado, sistemas menores ligados a sistemas maiores até os confins do Universo. Um exemplo legal é a própria natureza, onde a ecologia funciona maravilhosamente...e nosso corpo, com os sistemas internos interligados, promovendo a vida. Um sistema realimenta o outro e toda a natureza se equilibra sozinha, quando não interferimos. Vale para toda a Vida.
E você lembrou bem, Myriam, quando disse que o coração de HG era importante. O final do filme é muito bonito. Valeu, querida.
Muito engraçada a cena em que Dylan mede seu tamanho com o de VX, que é mais alto.:#82:


Parece o mesmo princípio de que "dois homens juntos conseguem levantar um piano, mas um homem sozinho é incapaz de levantar meio piano" ...

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA : I- 16 - The Sum of its Parts

Mensagem  mara em Qua Jan 20, 2010 7:54 am

Na verdade esse é o paradigma da ciência atual, que tem a ver com a nova Física...todos os sistemas são parte um do outro e os mais elaborados dotam de energia e consciência os menos elaborados, aumentando a consciência de todos. Lindo, não?

_________________
No one should never give up, ever! Do what makes you happy, what you are passionate about!

mara

Número de Mensagens : 18928
Location : São Paulo, Brasil
Data de inscrição : 02/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA : I- 16 - The Sum of its Parts

Mensagem  Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 5:11 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum