A SAGA - II-10 - The Prince

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A SAGA - II-10 - The Prince

Mensagem  Myriam Castro em Sab Maio 02, 2009 1:01 pm



mais belas capturas começando com esta:
http://s392.photobucket.com/albums/pp5/galeria_andromeda_saga/?action=view&current=210_cap000.jpg


II-10 - THE PRINCE
O PRÍNCIPE

História original de Erik Oleson

“O poder absoluto corrompe absolutamente. O que é um problema, se você não tem poder.”

Drago Museveni
“Manifesto” - CY 8433


Atendendo a um S.O.S., Dylan e sua equipe encontraram uma nave seriamente avariada, e todos a bordo massacrados. A nave transportava alguns passageiros ilustres: toda uma família real. E o velho rei, em seus últimos momentos de vida, pediu a Dylan e Tyr que fossem os conselheiros de seu filho caçula, Erik, o único sobrevivente, e o levassem para seu planeta, onde ele deveria ser coroado como novo rei.
Arrogante, mas ao mesmo tempo inseguro, o príncipe, ainda um adolescente, contou que havia em seu reino um grupo de barões que queriam tomar o poder, e se ele chegasse lá a bordo de um vaso de guerra como a Andrômeda, os colocaria à ordem. Dylan o advertiu que não ia permitir que sua nave fosse usada para impor a vontade a ninguém. Na verdade, ele aceitou ser conselheiro por respeito a um velho moribundo, e porque precisava desesperadamente de reunir o maior número possível de sistemas, para combater os Magogs que estavam a caminho. Os acontecimentos recentes envolvendo aquela espécie de invasores ainda estavam bem vivos em sua memória, e ele ainda sentia a dor dos sérios ferimentos que sofrera naquela terrível batalha.
Por outro lado, um povo que passasse por problemas internos jamais seria bom aliado, e ele teria que saber o que estava acontecendo e eventualmente ajudar a estabilizar a situação ...
Quando a Andrômeda saiu do turbilhão, ao largo do sistema natal de Erik, foi logo cercada por algumas naves dos barões, que exigiam que lhes entregasse “o filho do Tirano” para ser preso. Dylan não só não entregou Erik, é claro, como também lembrou polidamente aos nobres de que suas naves não eram páreo para a sua, e que apenas um disparo de Andrômeda poderia reduzir toda a frota deles a poeira espacial. E eles admitiram que estavam sendo tolos.
Dylan chamou Tyr e juntos traçaram um plano, sem que Erik tivesse conhecimento.
E antes de desembarcar, ele chamou o príncipe herdeiro e teve uma séria conversa com ele. Explicou ao jovem Erik que ser um líder significava muito mais do que simplesmente dar ordens. Não era uma tarefa fácil ... exigia não apenas coragem, mas também equilíbrio, sabedoria, firmeza e raciocínio rápido. E não era raro ter que ouvir a voz do coração para tomar uma decisão.
Os preparativos para a cerimônia de coroação já estavam concluídos. Na ampla praça da Capital do Reino, todos se colocaram em seus lugares. Somente Tyr Anasazi fiou mais retirado, aparentemente desinteressado em participar das atividades, e exibindo uma atitude muito suspeita. Não demorou muito, e um sujeito veio ao seu encontro, convidando-o a acompanhá-lo até uma determinada tenda.
O indivíduo lhe disse que percebera sua indiferença em relação ao evento, e perguntou se gostaria de ser seu “colaborador”. Tyr mediu-o de alto a baixo, como que avaliando-o, e respondeu que só estava interessado em matar Dylan Hunt e ficar com a Andromeda. Ao que o homem replicou que poderiam fazer uma troca que seria vantajosa para ambos ...
Dylan, na tenda de Erik e em companhia de Rommie, recebeu o sinal de Tyr pelo implante. Os barões haviam mordido a isca. Ao mesmo tempo, Rommie já havia detectado, escondidos entre as árvores da densa floresta ao fundo, uma fileira de pelotões fortemente armados, certamente se preparando para um ataque-surpresa. A um sinal de Dylan, ela enviou uma ordem para a nave em órbita, e logo dois gigantescos robôs de guerra planetária desceram à superfície, posicionando-se na orla da floresta, e apontando suas pesadas baterias “Gauss” numa certa direção ...
Dylan deu o sinal combinado, e os robôs começaram a varrer com suas baterias toda a orla da floresta, abatendo facilmente os soldados escondidos.
O caos foi geral. Todos correram desorientados, e Erik, assustadíssimo, olhou para Rommie, que tinha os olhos fixos em um ponto à frente, e percebeu que era ela que controlava aquelas enormes máquinas de guerra. Ele gritou para ela, que ela estava parecendo Tyr, mas ela, sem tirar os olhos da linha de fogo que comandava, disse: “Não ... na verdade, sou melhor!”
Erik voltou-se para Dylan, que acompanhava tudo com ar impassível. Quis saber o que ele estava fazendo, e Dylan, com naturalidade na voz, respondeu: “Eu? Estou fazendo o que todos por aqui ... planos. E parece que os meus deram certo.”
Então, tudo acabou. Rommie fez sinal a Dylan, de que estava tudo em ordem, e a cerimônia pode transcorrer sem mais incidentes.
Horas depois, Dylan foi parabenizar Erik pelo discurso sábio que fizera, e apontando os cadáveres dos barões, que tinham sido recolhidos e colocados ao pé de uma escadaria, disse que no fundo não apreciava a violência, mas que algumas vezes era necessário reescrever a História ... com sangue.


Última edição por Myriam Castro em Dom Maio 03, 2009 3:36 pm, editado 3 vez(es)

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA - II-10 - The Prince

Mensagem  Myriam Castro em Sab Maio 02, 2009 1:09 pm

Esse episódio mostrou o quanto Dylan era um líder equilibrado ... ele jamais se vangloriava do imenso poder que tinha em suas mãos - Andromeda - ou usava sua nave para impor sua vontade. Suas palavras de grande sabedoria para o jovem príncipe mostraram isso.
Outro ponto interessante, foi uma grande jogada da astúcia que Dylan mais uma vez provou ter ... ele desmascarou todos os conspiradores daquele reino. Claro, foi necessário usar um pouco de "força", uma vez que o inimigo já estava posicionado para o golpe.
E o príncipe Erik realmente incorporou os ensinamentos e conselhos do Capitão, ao ser coroado, levando a crer que seria um governante sábio e justo.


Última edição por Myriam Castro em Dom Maio 03, 2009 3:38 pm, editado 1 vez(es)

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA - II-10 - The Prince

Mensagem  Convidad em Sab Maio 02, 2009 11:14 pm

Ah, que bom ler! Mais uma vez, obrigada, Myriam!

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA - II-10 - The Prince

Mensagem  mara em Dom Maio 03, 2009 9:36 pm

Myriam, você, como sempre, foi muito conscisa na definição de Dylan, que mostrou uma liderança firme.
E mais: o uso da força foi sem piedade. Dylan matou gente e sabia que isso iria acontecer. Não sei se haveria outra forma, mas ele foi duro e frio nesse episódio.
Valeu, querida, como sempre.:good:

E o ditado relativo a esse episódio é bem sarcástico... e realista. 8)

_________________
No one should never give up, ever! Do what makes you happy, what you are passionate about!

mara

Número de Mensagens : 18928
Location : São Paulo, Brasil
Data de inscrição : 02/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA - II-10 - The Prince

Mensagem  Myriam Castro em Dom Maio 03, 2009 10:03 pm

É, tem razão ... ele mostrou mesmo uma certa "frieza". Mas acho que não havia tempo para deliberar muito, porque o golpe era iminente; ou ele fazia aquela "limpeza", ou os conspiradores simplesmente massacrariam todos ali ... as tropas já estavam posicionadas, os soldados com o dedo no gatilho, por assim dizer. E isso, foi Tyr quem descobriu, ao conversar com aquele sujeito que o chamara a um canto, e repassou a informação para Dylan.
Dylan foi duro e calculista ... mas ao mesmo tempo justo e firme.
Os barões foram mesmo atrevidos ... e tolos. Como conseguiriam vencer, se Erik estava sob a proteção de uma poderosa nave de guerra, cujo poder de fogo em muito superava o deles? ...
E vocês viram no final, os dois imensos robôs como que ladeando a praça? O tamanho deles impressionou!

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA - II-10 - The Prince

Mensagem  mara em Seg Maio 04, 2009 12:44 pm

É Myriam, ele usou as mesmas táticas do pessoal do planeta...Shocked

_________________
No one should never give up, ever! Do what makes you happy, what you are passionate about!

mara

Número de Mensagens : 18928
Location : São Paulo, Brasil
Data de inscrição : 02/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA - II-10 - The Prince

Mensagem  Myriam Castro em Ter Maio 05, 2009 7:58 pm

E os fez provar do próprio veneno. Shocked

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA - II-10 - The Prince

Mensagem  Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 7:15 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum