A SAGA: V-15 - The Opposites of Attraction

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A SAGA: V-15 - The Opposites of Attraction

Mensagem  Myriam Castro em Sex Jun 04, 2010 3:32 pm



BRIEF ENGLISH VERSION:
Original Air Date—11 February 2005
While Harper develops a way to save the Seefra system from its impending doom, a spy has slipped on board the Andromeda. Dylan, Rhade, and Trance all feel that someone who should not be aboard is, but cannot confirm their suspicions. Things turn south when the spy attacks Beka by opening a portal to open space inside the ship.



CAPS/ CAPTURAS COMEÇAM AQUI:
http://s953.photobucket.com/albums/ae17/galeria-saga-andromeda/?action=view¤t=515_cap000.jpg








V-15 - THE OPPOSITES OF ATTRACTION
OS OPOSTOS DA ATRAÇÃO

História original de Gillian Horvath


“O herói pode encontrar um intervalo de repouso
Na Ilha da Ninfa,
Esquecendo os camaradas, a nave, e o lar.
Até que, de volta chamado à sua grande missão,
Ele se ponha novamente ao mar.”

Aimelin Zol
“Tropas dos Antigos” - CY 9857


À medida em que o sol Vedran se aproximava, a tripulação da Andromeda fazia o que podia, enquanto Harper dava tratos à bola para encontrar uma solução. Dylan foi até ele para ver se estava progredindo, inconsciente de que alguma coisa estranha tinha vindo para bordo da nave.
Trance tinha “sentido” algo quando caminhava pelos corredores, mas não pode identificar com clareza. Enquanto ela vagueava, procurando pela origem da estranha “presença”, Harper explicava a Dylan o seu plano. Ele tinha em mente construir um grande refletor parabólico, como um guarda-chuva gigantesco, que seria lançado num pequeno módulo em direção ao fluxo de energia que formava o vórtice que por sua vez, se compactava para formar a massa da estrela. Assim que o refletor fosse distendido, ele apararia o fluxo de energia, impedindo que a massa já formada aumentasse. Decerto não seria uma solução permanente, mas poderia dar-lhes um pouco de tempo para encontrar a maneira definitiva de deter o avanço do sol.
Dylan o ouvia atentamente, mas de repente foi distraído pala mesma estranha sensação que acometera Trance, de que havia algo – ou alguém – ali.
Trance perguntou ao módulo da nave, e suas suspeitas foram confirmadas: havia uma fonte de energia inexplicável a bordo, cuja leitura vinha do convés 7. Trance sabia que Beka estava trabalhando lá embaixo, juntando algumas peças para o projeto do refletor de Harper. De repente, Beka foi detida por uma chuva de faíscas perto dela, e recuou, sem ver o pequeno buraco negro que se formou atrás dela. E de repente, ela sentiu-se puxada por uma força inimaginável, e, agarrando-se a uma barra metálica, gritou por socorro. Trance sentiu o perigo, e correu para lá, chamando por Beka. Porém, tão subitamente como surgira, o estranho fenômeno cessou.
Pouco depois, Dylan caminhava por um corredor com um pequeno dispositivo de leitura de energia na mão, em busca da fonte do misterioso fenômeno. A IA começou a falhar inexplicavelmente, ao mesmo tempo em que o pequeno aparelho também parecia estar com problemas. Ele seguiu na direção indicada e voltou a “sentir” uma presença estranha. Então, viu sair das sombras uma bela mulher, alta e loira, que parecia estar mexendo em alguns painéis. Ele a chamou, e ela virou-se para ele, dizendo que não queria assustar ninguém. Ele ordenou que ela saísse de perto do painel, e sentiu-se de repente assaltado por uma estranha sensação de que aquela figura lhe era de alguma forma familiar ...
Ela olhou com ternura para ele disse chamar-se Marida, e que há muito vinha procurando por ele ... seu esposo.
Dylan ficou estático ... mas ele nunca se casara! Como então ...?
A mulher lhe explicou que estava procurando nos bancos de memória por provas de que aquilo era verdade. Mas ele não se lembrava de tê-la conhecido de fato. Ela se aproximou dele e segurou-lhe a mão ... e quando levou a mão dele ao seu rosto, de repente uma imagem surgiu na mente de Dylan: ele viu a si próprio fazendo amor com ela, completamente envolvido e entregue àquele momento. Eles estavam envoltos por uma estranha luz, como se flutuassem na aura fulgurante de uma estrela.
A visão desapareceu como por encanto, e ele ficou intrigado em ver como ela podia navegar nos bancos de memória da nave. Ela acabou encontrando o que procurava ... um arquivo que datava da emboscada de Hephaestus, quando Dylan e Andromeda foram “congelados” na singularidade.
Assim como Dylan, Trance chegou à conclusão de que Marida estivera lá durante aquela estase temporal. Só não sabiam ainda como.
Mais tarde, Dylan ouvia enquanto Harper explicava o perigoso projeto a Rhade, uma vez que o Nietzschean era quem executaria a tarefa de levar o módulo até o ponto certo para o lançamento, com a Eureka Maru. Marida então ofereceu-se para calcular um ponto de estabilidade gravitacional que tornasse o posicionamento do dispositivo seguro. E quando Harper matutava como ela poderia executar tal tarefa, a IA relatou que o arquivo parcial estava disponível para visualização. A tela então, mostrou Marida aproximando-se do corpo imóvel de Dylan, ajoelhado sobre o cadáver de Gaheris Rhade. Subitamente, uma espécie de espectro desprendeu-se de Dylan, como se fosse sua “alma”, e se aproximou de Marida, parecendo irresistivelmente atraído por ela. Harper estava atônito, mas Dylan já tinha deduzido quem – ou melhor, o quê – Marida era na verdade: a avatar do buraco negro ... o mesmo buraco negro que o tinha aprisionado. E agora, queria apanhá-lo novamente! Harper, os olhos arregalados, recuou como se estivesse diante do próprio Satanás.
Entrementes, Beka e Rhade não haviam percebido a malevolência de Marida. Ela queria Dylan só para ela ... e insinuou que Beka era mais habilidosa para pilotar a Maru até o ponto de fixação do refletor ... ela chegou a provocar um pequeno acidente, queimando a mão de Rhade, o que o impediu de executar a missão.
Dylan logo entendeu as reais intenções de Marida ... ela tinha Beka como a pessoa que “roubara” Dylan dela, e resolvera eliminá-la. Assim, ele decidiu ele mesmo ir posicionar o refletor.
Mas Beka antecipou-se a ele, e, embarcando o dispositivo em sua pequena nave, decolou em direção à mortífera correnteza da estrela.
Harper ficou aflito por ela, à mercê do buraco negro, que poderia muito bem matá-la.
Dylan ordenou-lhe que achasse um meio de rebocar a Maru de volta, e foi procurar Marida. Achou-a na Ponte de Comando, bem no momento em que ela penetrava na interface ... impedindo com isso que conseguissem resgatar Beka. Disposto a acabar com aquilo de uma vez por todas, Dylan conectou-se à interface e buscou Marida lá. Ela não queria abrir mão dele, e dizia que ele lhe pertencia e a mais ninguém. Mas Dylan obrigou-a a render-se, dizendo a ela que ele não pertencia ao mundo dela ... o lugar dele era junto aos seus amigos e sua nave! Ele a segurou, e lhe deu um ultimatum: se não saísse do caminho de Beka imediatamente, ele tinha meios de acabar com ela. E ela, vendo que não conseguiria dominá-lo, rendeu-se. Dylan comunicou-se com Harper, que através de um código, “expulsou” Marida também da interface da IA. E Andromeda retornou à sua capacidade operacional.
E lá fora, Beka conseguiu posicionar o módulo que continha o defletor, e Harper, dessa vez, conseguiu não só acionar o comando que abria a gigantesca parábola, mas enviou à Maru a ordem de retorno, salvando Beka.
E aquele “guarda-chuva” gigante, posicionado bem no caminho do fluxo da estrela, conseguiu desviá-lo.
Dylan sabia que aquilo não agüentaria muito tempo ... era preciso encontrar a solução definitiva para salvar o sistema Seefra. E ele ia encontrar!


Última edição por Myriam Castro em Qua Dez 15, 2010 7:19 pm, editado 2 vez(es)

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA: V-15 - The Opposites of Attraction

Mensagem  Myriam Castro em Sex Jun 04, 2010 3:43 pm

Esse também é um episódio intrigante ... e arrepiante.
Já imaginaram, ficar para sempre aprisionado na singularidade, sem nem mesmo ter consciência da prisão ...?
Intrigante, como o buraco negro tinha também um avatar ... e como este - cuja forma verdadeira talvez fosse bem diferente - assumiu a aparência de uma linda mulher, só para "jogar a isca" sobre Dylan.
A cena íntima entre Dylan e ela, apesar de ser ela a "vilã", foi linda, não?
Viram a reação de pavor de Harper ...?
E o ciúme e ódio que Marida tinha de Beka, por achar que ela havia lhe "tomado" Dylan (que ela achava que lhe pertencia)?
E a atitude de Dylan, que não adimitiria de forma alguma perder Beka, quando hostilizou Marida?

Monika Schnarre .... outra sortuda!!!!!

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA: V-15 - The Opposites of Attraction

Mensagem  mara em Sex Jun 04, 2010 10:19 pm

Que episódio sensual... e trágico! Quando Dylan vai ao centro de memória da nave em busca de Marida (que nome, hein?) e, agarrada com ele, ela lhe implora para ficar com ela, que triste!
Lembra o outro episódio que a atriz fez - Mathematics of Tears - tão trágico quanto este... ela de novo perde seu capitão...
Kevin e a atriz na verdade são amigos e ele disse que estava vestido com uma minúscula sunguinha cor da pele para a cena quente...
Mas que ela tem sorte tem...
Delícia, Myriam!

_________________
No one should never give up, ever! Do what makes you happy, what you are passionate about!

mara

Número de Mensagens : 18928
Location : São Paulo, Brasil
Data de inscrição : 02/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA: V-15 - The Opposites of Attraction

Mensagem  Myriam Castro em Sab Jun 05, 2010 7:41 am

É mesmo, eu me lembro ... que coisa, perdeu de novo! ...
Mas acho que ambas as personagens eram bem possessivas ... Jill (Pax Magellanica), ao se ver envolvida com Warrick, seu capitão, chegou mesmo a desobedecer-lhe as ordens, ao ponto de matá-lo!
Marida queria condenar Dylan a uma espécie de "morte", aprisionado eternamente na singularidade.

Por aí se vê o quanto Dylan e Andromeda eram equilibrados ... eles nutriam, sim, um certo sentimento um pelo outro, mas jamais saíam do foco do dever ... e formavam uma associação incrível!

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA: V-15 - The Opposites of Attraction

Mensagem  Myriam Castro em Sab Jun 05, 2010 7:26 pm

mara escreveu:Que episódio sensual... e trágico! Quando Dylan vai ao centro de memória da nave em busca de Marida (que nome, hein?) e, agarrada com ele, ela lhe implora para ficar com ela, que triste!
Lembra o outro episódio que a atriz fez - Mathematics of Tears - tão trágico quanto este... ela de novo perde seu capitão...
Kevin e a atriz na verdade são amigos e ele disse que estava vestido com uma minúscula sunguinha cor da pele para a cena quente...
Mas que ela tem sorte tem...
Delícia, Myriam!


Hum ... sunguinha, é ...?
Mara, Mara, você não perde uma, hein ?

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA: V-15 - The Opposites of Attraction

Mensagem  mara em Dom Jun 06, 2010 8:03 am

Adoraria ver a sunguinha, Myriam...

_________________
No one should never give up, ever! Do what makes you happy, what you are passionate about!

mara

Número de Mensagens : 18928
Location : São Paulo, Brasil
Data de inscrição : 02/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA: V-15 - The Opposites of Attraction

Mensagem  Myriam Castro em Dom Jun 06, 2010 12:22 pm

Sei ...

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA: V-15 - The Opposites of Attraction

Mensagem  Manto Negro em Seg Jun 07, 2010 10:49 am

:lol:

Manto Negro

Número de Mensagens : 2868
Idade : 40
Location : Santa Tereza de Goiás- GO
Data de inscrição : 26/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA: V-15 - The Opposites of Attraction

Mensagem  Myriam Castro em Seg Jun 07, 2010 11:59 am

Hum ... acho que vou rever esse episódio ...
https://www.youtube.com/watch?v=UdzKL9BvRi8

https://www.youtube.com/watch?v=VqnbrfLSngI&list=PLtRm9Y_srMGUMPIPAvXPaHpi1hCGDKms_&index=5

https://www.youtube.com/watch?v=_RDQhF9Z8OI

https://www.youtube.com/watch?v=_RDQhF9Z8OI&feature=youtu.be

https://www.youtube.com/watch?v=8vL17I2NfP8

https://www.youtube.com/watch?v=akjVJULp0mE&feature=youtu.be

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA: V-15 - The Opposites of Attraction

Mensagem  Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 2:40 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum