HERCULES, A SAGA: IV-11 - Medea Culpa

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

HERCULES, A SAGA: IV-11 - Medea Culpa

Mensagem  Myriam Castro em Sab Nov 20, 2010 1:26 am





ENGLISH SYNOPSIS:
Medea Culpa


Off on a fishing trip together, Hercules (Kevin Sorbo), Iolaus (Michael Hurst) and Jason (Jeffrey Thomas) are engaged in a little friendly competition over who can catch the biggest fish when they're reminded of an incident in their youth that nearly destroyed their friendship. The memory takes them back to their teenage years...
Young Hercules (Ian Bohen) and young Iolaus (Dean O'Gorman) arrive at the palace of their young friend Jason (Chris Conrad), who has recently been crowned King of Corinth. After some fraternal teasing back and forth, Jason reveals that he's planning to approve the royal council's recommendation to impose a curfew on everyone under the age of 18. When Hercules suggests that Jason may be more interested in playing politics that in doing what's right, Iolaus proposes a chariot race between the two to settle the argument. Towards the end of the race, a little girl suddenly darts out in the path of Hercules' speeding chariot. He is able to swerve at the last moment and sweeps her out of harm's way as Jason's chariot thunders past. When the girl reveals that she is the sole survivor of an attack on her village by the Ghidra -- one of Hera's particularly nasty pets -- Hercules vows to kill the monster and Jason and Iolaus agree to join him.
On their journey, they come across beautiful young Medea (Jacinda Barrett) bathing in a lake. Hercules is embarrassed when his friends insist on moving in to get a closer look but as they near the shore, they realize the young woman has disappeared. When Medea suddenly reappears, she is pressing a Bowie knife to Iolaus' neck. Hercules offers an apology and when Jason tells her that they're heading for Mt. Solayis to kill the Ghidra, she asks to come along. Smitten by her beauty and daring, the boys welcome her. They soon come upon a razed village being looted by armed bandits in the wake of its destruction by the Ghidra. Leaping into the fray, the four heroically drive off the bad guys and before they leave, Medea stuns her companions by miraculously reviving the murdered son of a grief-stricken villager. As they continue their journey, Medea reveals that both her parents are mortal and she doesn't know where her powers come from. She tells Hercules privately that her stepfather treated her terribly because he was jealous of her powers. When she confesses that she wishes she had stood up to him instead of running away, Hercules offers to help her confront him once and for all. Explaining to his friends that he and Medea need to take a quick detour, Hercules asks them to round up the boat they will need to finally get to Mt. Solayis and promises to catch up with them shortly. But by the time he and Medea arrive in her home village, the Ghidra has already destroyed it and killed her parents.
Later aboard the boat, Hercules and Medea appear to be falling in love and Jason is obviously jealous. But Medea is moving a bit too fast for Hercules, who is still a virgin, and is offended when he pulls back from her heated embrace. When they go ashore the next day, she is still angry with him and begins hanging out with Jason. Hurt by her behavior, Hercules soon becomes enraged when he and Iolaus come upon Jason and Medea in the midst of a passionate kiss. A fight breaks out and Hercules sends Jason flying headfirst into a tree. As he stomps off, Iolaus follows, intent on convincing his friend to give Jason another chance.
When Medea goes into the forest to make a poultice for Jason's wounds, she encounters the little girl Hercules "saved" earlier. But the innocent-looking child morphs into the evil Hera, who has been in cahoots with Medea all along. Hera tells Medea she must continue to keep Jason and Hercules apart to prevent them from conquering the Ghidra. But when Medea returns to Jason, he insists that he must help his friend. Medea is unable to stop him so Hera intervenes, striking him down with lightning bolts. Horrified by Hera's actions, a tearful Medea uses her powers to heal Jason. Meanwhile, Hercules and Iolaus have found the two-headed fire-breathing Ghidra in its lair. As they defend themselves against the hideous monster, Jason and Medea show up to join the fight. Together, they succeed in killing the creature. Medea apologizes to Hercules as Jason explains how Hera used her to try to turn them against one another. Suddenly, the little girl/Hera appears and tells Hercules that she wants him dead to teach her philandering husband Zeus a lesson about fidelity. Hera is then swept up in a swirling wind, taking Medea with her.
Starring: Kevin Sorbo (Hercules), Michael Hurst (Iolaus)
Guest Starring: Dean O'Gorman (Young Iolaus), Chris Conrad (Young Jason), Jacinda Barrett (Medea), Ian Bohen (Young Hercules), Jeffrey Thomas (Jason), Narelle Swenson (Little Girl/Hera), Vanessa Guy (Teenage Girl #1), Benjamin Banse (Villager), Carol Seay (Woman), Ian Harrop (Fisherperson), Alan De Malmanche (Servant)

Teleplay by Robert Bielak and Roberto Orci & Alex Kurtzman
Story by Robert Bielak
Directed by Charles Siebert



http://www.whoosh.org/epguide/herk/h411_70_medea.html



CAPS/ CAPTURAS:
http://miroirdarc.com/hercules/s4/mculpa/

http://s990.photobucket.com/albums/af22/galeria-saga-hercules2/?action=view&current=MEDEACULPA2.jpg




IV – 11 - MEDEA CULPA
A CULPA É MINHA (expressão Latina)

História original de Robert Bielak


Hercules, Iolaus e Jasão tinham saído juntos para pescar, e estavam na beira de um rio, divertindo-se numa competição de quem apanhava o maior peixe, quando então lhes veio à mente a lembrança de um incidente acontecido em sua juventude que quase destruíra sua amizade.

Flashback - Ainda jovens na casa dos vinte anos, Hercules e Iolaus chegaram certo dia ao palácio de seu amigo Jasão, recentemente coroado Rei de Corinto. Depois de festejarem a alegre reunião, Jasão revelou que planejava aprovar um decreto real recomendado pelo Conselho, de impor um “toque de recolher” para todos os cidadãos que fossem menores de 18 anos.
Quando Hercules sugeriu que Jasão deveria estar mais interessado em Políticas que visassem a prosperidade do reino, em vez de “inventar moda”, Iolaus propôs uma corrida de charretes entre os dois para ver qual o argumento iria prevalecer.
E assim foi feito.
Porém, no finalzinho da corrida, uma garotinha subitamente atravessou correndo bem na frente da charrete de Hercules, que vinha à toda. O filho de Zeus conseguiu desviar no último segundo, e a menina foi salva, enquanto a charrete de Jasão passava velozmente.
Quando a menina revelou que era a única sobrevivente de um massacre ocorrido em seu povoado, atacado pelo Ghidra – um dos “animaizinhos de estimação” de Hera – Hercules prometeu matar o monstro, e Iolaus e Jasão concordaram em juntar-se a ele.
Durante a viagem, eles passaram por um certo lago, onde uma bela jovem chamada Medea se banhava. Hercules ficou meio desconcertado quando seus amigos insistiram em se aproximar para dar uma olhada. Mas, quando chegaram à beira do lago, descobriram que a jovem simplesmente desaparecera.
E quando ela reapareceu ... tinha uma faca encostada no pescoço de Iolaus!
Hercules ia pedir-lhe desculpas pela ousadia deles, e quando Jasão que estavam a caminho para encontrar o Monte Solayis para matar Ghidra, ela perguntou se podia ir junto.
Impressionados pela beleza e pela coragem dela, os rapazes concordaram em deixá-la ir com eles.
Logo chegaram a um povoado que estava sendo atacado por bandidos armados. Corajosamente, os quatro conseguiram expulsar os saqueadores heroicamente, antes de partirem. Medea, inclusive, impressionou seus jovens companheiros de viagem ao ressuscitar miraculosamente o filho de um dos homens do povoado.
Enquanto prosseguiam sua jornada, Medea revelou que seus pais eram ambos mortais, e ela não sabia de onde vinham seus poderes. E a Hercules em particular, disse ainda que seu padrasto a maltratava muito por invejar seus poderes. Quando ela confessou que preferia tê-lo eliminado em vez de fugir dele, Hercules se ofereceu para ajudá-la e enfrentar o padrasto de uma vez por todas. Explicando aos seus amigos que ele e Medea precisavam fazer um pequeno desvio, Hercules pediu-lhes para tentar arranjar o barco de que precisariam para conseguir chegar ao Monte Solayis, e prometeu que os encontraria mais tarde.
Porém, quando Medea e seu acompanhante chegaram ao povoado-natal dela, Ghidra já o havia destruído e matado seus pais.
Mais tarde, já a bordo do barco, Hercules e Medea pareciam estar apaixonados um pelo outro, e Jasão ficou com ciúmes. Mas Medea estava “indo muito depressa” com Hercules, que ainda era virgem, e ficou ofendida quando ele repeliu-lhe o abraço apaixonado.
Quando chegaram em terra no dia seguinte, ela ainda estava com raiva de Hercules e passou a se insinuar para Jasão. Insultado pelo comportamento dela, Hercules foi ficando furioso, e junto com Iolaus tratou de separar a moçoila de Jasão, interrompendo um beijo “caliente”.
Logo se iniciou uma briga, e Hercules arremessou Jasão por cima da copas de uma árvore. E enquanto ele aterrissava ruidosamente, Iolaus avançou, tentando convencer seu amigo a deixar de lado a ira.
Quando Medea entrou na floresta para colher ervas e fazer um cataplasma para os ferimentos de Jasão, encontrou a garotinha que Hercules salvara mais cedo. Mas a criança de aparência inocente transformou-se na malévola Hera, que estivera, afinal, controlando Medea todo o tempo. Hera disse a Medea para manter Jasão e Hercules separados, a fim de impedir que derrotassem Ghidra. Mas quando Medea retornou a Jasão, ele insistiu que devia ir ajudar seu amigo. Medea foi incapaz de detê-lo, e assim Hera teve de intervir, derrubando-o com rajadas de raios.
Horrorizada com a atitude de Hera, Medea usou então seus poderes para curar Jasão.
Entrementes, Hercules e Iolaus encontraram o monstro de duas cabeças e cuspidor de fogo em seu covil. Enquanto se defendiam das investidas de Ghidra, Jasão e Medea entraram na luta. Juntos, todos eles conseguiram destruir a criatura.
Medea pediu desculpas a Hercules pelo seu comportamento, enquanto Jasão explicava como Hera a havia usado para tentar colocar um contra o outro.
Subitamente, a garotinha-Hera materializou-se e disse a Hercules que o queria morto, para ensinar ao seu marido infiel, Zeus, uma lição. Em seguida, desapareceu em um redemoinho, levando Medea com ela.

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: HERCULES, A SAGA: IV-11 - Medea Culpa

Mensagem  Myriam Castro em Sab Nov 20, 2010 1:35 am

Bem ...
Esse episódio mostrou como Hércules, Iolaus e Jasão eram quando mais jovens, e as aventuras que certamente viviam deviam ser também emocionantes.
Eu cheguei a ver um ou dois episódios dessa série "O Jovem Hércules", mas na época não consegui acompanhar, e nem sei se houve sequência em temporadas.
O fato é que vim a conhecer a série definitivamente já com Kevin. E soube que tinha a ver com a outra, quando reconheci a roupa de Hércules.

Mas que coisa ... Hera não dá mesmo trégua! ...
Tudo bem, ela não gostar do comportamento infiel e devasso de Zeus ... mas tamanho ódio contra Hércules é demais, né? :x

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: HERCULES, A SAGA: IV-11 - Medea Culpa

Mensagem  mara em Sab Nov 20, 2010 9:24 am

Um epísódio triste... achei muito interessante essa mistura de Hércules com o jovem Hércules, mostrando as etapas naturais do amadurecimento dos três amigos.
Na época, Kevin estava se recuperando ainda de sua cirurgia e o jovem Hércules veio bem a calhar.
A série teve curta duração, mas, assim como Xena, vieram da série original. Uma vez Kevin disse numa entrevista, quando perguntado, que se sentia como um pai dando a vida a mais dois filhos. Incrível o sucesso dde Hércules!
Myriam, voc~e trabalha até tarde, merece pagamento duplo.
Deus te abençoe por toda a sua dedicação, querida!        

https://www.youtube.com/watch?v=HOnyLaIRN0A

https://www.youtube.com/watch?v=3GJ-W8QGRmg&list=UUd4PheBQpftnXiir64GtI3Q&index=58

https://www.youtube.com/watch?v=HOnyLaIRN0A&index=57&list=UUd4PheBQpftnXiir64GtI3Q

_________________
No one should never give up, ever! Do what makes you happy, what you are passionate about!

mara

Número de Mensagens : 18928
Location : São Paulo, Brasil
Data de inscrição : 02/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: HERCULES, A SAGA: IV-11 - Medea Culpa

Mensagem  Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 8:55 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum