A SAGA - V-08 - So Burn The Untamed Lands

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A SAGA - V-08 - So Burn The Untamed Lands

Mensagem  Myriam Castro em Sex Abr 16, 2010 5:01 pm






BRIEF ENGLISH VERSION:
Season 5, Episode 8: So Burn the Untamed Lands

Original Air Date—12 November 2004
Harper discovers a new weapon in the system that is powered by a crystal, which Harper feels will be able to power the Andromeda. Rhade and Dylan must go undercover working for Cutter to obtain the crystal he mines. Meanwhile, Andromeda and Doyle conflict over who controls the ship.



CAPTURAS COMEÇANDO AQUI:
http://s953.photobucket.com/albums/ae17/galeria-saga-andromeda/?action=view¤t=508_cap000-1.jpg




V – 08 - SO BURN THE UNTAMED LANDS
E ASSIM QUEIMAM AS TERRAS INDOMADAS

História original de Gillian Horvath


“Reúnam seus exércitos, ó grandes Generais.
O custo da vitória excede o custo da derrota.”

Joheean Koll
“Guerras da Fronteira de Ramayin” - CY 459


Harper estava entusiasmado, enquanto mostrava a Dylan e Rhade uma espécie de pistola laser, que segundo ele, “comprara de um cara, que a comprara de outro, que a obtivera de outro ainda” ... Enfim, pouco importava de onde vinha. O interessante, era que obtinha a energia para funcionar de um pequeno cristal de quartzo, oriundo de uma mina do outro lado do planeta. Ele olhou para Dylan e disse para “pensar grande”, e Dylan, com o olhar como que perdido ao longe, sussurrou: “Andromeda ...”
Pois é ... ali estava uma ótima oportunidade para conseguir algumas toneladas daquele mineral e levar para bordo da nave, e assim poderiam fazê-la funcionar novamente. O problema, segundo Harper, era que havia um sujeito chamado Cutter, que era uma espécie de “manda-chuva” local, e se dizia dono das minas. Corria o boato que ele mantinha escravos trabalhando na extração do quartzo, e vendia tudo para piratas.
Dylan e Rhade, então, combinaram de procurá-lo, fazendo-se passar por candidatos a trabalhar para ele.
Ao chegar a um dos acampamentos – que aliás mais parecia um campo de concentração – eles viram escravos Surogs, uma tribo local, mantidos em condições subumanas, e aquilo desagradou muito a Dylan, que pôs-se a pensar num meio de libertar os cativos. Cutter na verdade reconheceu-o – Dylan já estava ficando famoso por ali – mas, imaginando que ele poderia ser um excelente capataz, aceitou a oferta. E assim, Dylan e Rhade fingiram estar empenhados em trabalhar para Cutter.
Enquanto isso, Harper tentava fazer uma experiência com uma pequena quantidade do cristal, mas a engenhoca que ele construiu acabou pifando, e Doyle até achou graça, quando a geringonça explodiu na cara dele e ele ficou chamuscado. Porém, o que a andróide não percebeu, foi um pequeno estilhaço que arranhara a pele do braço de Harper, e o engenheiro escondeu o ferimento que pareceu piorar a cada hora ...
Dylan percorria o acampamento e conversava com vários trabalhadores, mas eles pareciam temer os castigos que certamente eram comuns por ali, e quase não falavam. Cutter então o pegou em atitude “suspeita”, e fez um sinal a um dos feitores – ele não percebera que era Rhade disfarçado – para desarmar Dylan e trancá-lo em um poço.
Entrementes, na Andromeda, Doyle e Rommie pareciam estar passando por uma “desavença”, como se disputassem entre si o controle de algumas funções da nave. E Trance tentava fazê-las entender que deviam era colaborar uma com a outra, e não ficar brigando.
Dylan conseguiu fugir do poço, pois Rhade havia deliberadamente deixado a tampa destravada, e foi para as cavernas. Ele caminhou algumas horas, atravessando uma passagem onde uma névoa tóxica se desprendia das rochas de quartzo afloradas nas paredes e no chão, quando começou a sentir-se tonto. Ele saiu da caverna e caminhou por uma ravina, cambaleando e tossindo, com a visão turva, e ao chegar à beira de um barranco, as forças o abandonaram, e ele desmaiou.
Algumas horas depois, quando ele acordou, viu uma mulher jovem debruçada sobre ele, aplicando um óleo em sua pele. Ele se sobressaltou, mas ela o acalmou, e disse chamar-se Tolek, era uma Surog, e que o óleo faria com que a toxina deixasse o corpo dele. Ela acrescentou que sentira que ele era diferente, que havia uma força interior muito grande dentro dele ... Ele levou algum tempo para se recuperar, e Tolek, em companhia de um adolescente chamado Lon, que era irmão dela, levou-o para onde se escondia com um grupo de fugitivos.
Foi então que Rhade apareceu, trazendo para Dylan suas lanças de força, que lhe haviam sido tiradas quando fora preso. De repente, ouviram ruídos na vegetação. Eram os capangas de Cutter, à procura de Dylan. Ele logo os despachou, e um deles foi derrubado por um dardo venenoso soprado por Lon, que tinha uma zarabatana. Dylan logo percebeu que aquele grupo poderia ajudá-lo a libertar os que ainda continuavam presos. Lon olhava-o com uma certa desconfiança, enquanto Dylan falava àquela gente que eles precisavam ser corajosos, e lutar contra a escravidão. Tolek observava-o, impressionada com ele, e aproximando-se, pediu-lhe que a levasse dali. Ela o pegou pela mão, e o levou até um local reservado, e aí ...
Porém, escondido entre as árvores próximas, estava Lon, que viu quando Dylan e Tolek entraram ... ele não pareceu gostar muito daquilo, e olhou pensativamente para o dardo que tinha na mão.
Beka foi procurar Harper, para cobrar um conserto que ele lhe devia, e Harper escondeu o braço ferido atrás das costas. Não queria que Beka o visse. Mas Beka notou que ele estava agindo de maneira estranha, como se sua mente estivesse confusa. Ela não rendeu muita conversa, e foi embora, deixando-o sozinho.
Algumas horas depois, Dylan deixou Tolek e estava caminhando pela floresta. Tentou contato com Rhade, que havia voltado para Cutter, e tentaria separar alguns containeres do minério, mas, não tinha ainda falado duas palavras, quando sentiu algo picando-o no peito. Ele baixou os olhos, viu um dardo enterrado em seu peito, e arrancou-o. E logo o veneno se fez sentir – Lon tinha-lhe dito que era um veneno mortífero -, e ele caiu de joelhos, perdendo os sentidos antes mesmo de bater no chão. E novamente acordou com Tolek cuidando dele. Ela recriminou Lon por ter quase matado Dylan, mas Dylan perdoou o jovem. Lon pensara que Dylan ia tirar Tolek dele, mas Tolek o repreendeu, dizendo que Dylan queria libertar a todos, e levá-los embora daquele planeta, para longe de Cutter.
Naquela noite, surpreendentemente, foi o jovem Lon que falou ao povo ainda relutante, dizendo que Dylan “zombara da morte”, e isso era um sinal ... um sinal de que ele era mesmo seu libertador, e que deviam confiar nele.
Entrementes, Beka conseguira aterrissar não muito longe do acampamento de Cutter, e Rhade havia colocado a bordo da Maru uma boa carga de cristais roubados. Foi então que o Nietzshean notou as estranhas lesões no braço de Harper, e relatou a Dylan. O Capitão pegou um pote do óleo de Tolek e colocou-o no bolso da jaqueta.
Bem a tempo, pois Beka avisou que Cutter e um grupo de homens armados estava se aproximando. Cutter chegou na clareira onde a Maru estava, justo quando os Surog embarcavam. Dylan adiantou-se para conversar com ele.
Cutter não queria abrir mão de sua força de trabalho. Ele ameaçou Dylan, e seus capangas se colocaram atrás dele, prontos para abrir fogo. Cutter sacou sua arma, mas Dylan foi mais rápido, e o derrubou com um tiro certeiro. Cutter caiu, ao mesmo tempo em que Harper lançava uma pequena bomba de efeito moral, possibilitando que os últimos refugiados embarcassem, seguidos por Dylan, e Beka decolasse com a Maru.
Harper estava ficando cada vez mais confuso, e Rhade tentava ajudá-lo. O engenheiro tentou mesmo atacar o Nietzschean, mas este reagiu, e Harper caiu sem sentidos. Dylan aplicou-lhe uma porção do óleo de Tolek, enquanto Rhade mirava o acampamento de Cutter. A Maru despejou então as cargas de cristais – a única coisa que poderia servir de “armamento” àquela altura – e as sucessivas explosões lá embaixo mostraram que os dias de caçador de escravos de Cutter estavam acabados.
Por outro lado, lá se foram também os cristais que iriam reativar Andromeda ...
Mais tarde, depois de acomodar os Surog em suas novas terras, Dylan estava reunido com seu pessoal na porta da taverna, e tinham todos um ar pensativo ... eles haviam voltado à estaca zero, pois para sair daquele sistema era preciso colocar Andromeda novamente em funcionamento.
Mas Dylan sabia que tinha feito a coisa certa ... a libertação daquela pobre gente era mais importante naquele momento, e, olhando para o céu – como se pudesse enxergar Andromeda lá em cima – ele disse que tinha certeza de que conseguiriam trazer sua nave de volta à vida ... algum dia. Eles precisavam conseguir ...


Última edição por Myriam Castro em Qua Dez 15, 2010 7:41 pm, editado 1 vez(es)

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA - V-08 - So Burn The Untamed Lands

Mensagem  Myriam Castro em Sex Abr 16, 2010 5:10 pm

Episódio muito legal.
Dylan precisava reativar a energia de Andromeda, mas, mesmo quando teve a matéria-prima que parecia ideal nas mãos, seu senso de justiça falou mais alto: ele preferiu libertar aquele pobre povo do tirano que os oprimia, e depois pensaria em outra maneira de fazer sua nave funcionar novamente.
Ele agora sabia que precisava, antes de sair de Seefra, consertar todos os problemas daquele sistema, que parecia ter algo a ver com Tarn Vedra, sua pátria, e com a reestruturação dos Mundos Conhecidos, em seu próprio Universo.
E mesmo naquela situação séria, ele ainda achou um tempinho para correr atrás de outro "rabo-de-saia" ... só Dylan mesmo!
E temos aí outra "sortuda" ...


Última edição por Myriam Castro em Sex Abr 16, 2010 10:07 pm, editado 1 vez(es)

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA - V-08 - So Burn The Untamed Lands

Mensagem  mara em Sex Abr 16, 2010 8:47 pm

É, Myriam, it´s never easy... a moça teve de cuidar dele, porque também ele se envenenou, na tentativa de ajudar o povo, com o gás tóxico... e depois se envenenou com uma seta envenenada... que coisa!
Muito engraçado quando o bandido foi pegar a forcelance dele e Rhade só olhava...
E Dylan ainda oferece ao tirano a chance de ir embora, que o homem recusa... opressores não enxergam a verdade, não?
Pra falar a verdade, que inveja da moça... foi ela que provocou Dylan, mulher sortuda!
Valeu querida, esse episódio é muito gostoso de rever!

_________________
No one should never give up, ever! Do what makes you happy, what you are passionate about!

mara

Número de Mensagens : 18928
Location : São Paulo, Brasil
Data de inscrição : 02/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA - V-08 - So Burn The Untamed Lands

Mensagem  Myriam Castro em Sex Abr 16, 2010 10:17 pm

É ... Dylan arriscou sua vida - mais uma vez - para ajudar aquele povo. Um herói nato! E foi interessante quando ele viu Cutter e seus homens se aproximando da Maru, em atitude hostil ... sua estatura ficou ainda mais impressionante, daquele ângulo. Cutter parecia um anão perto dele.
É, e naquela cena da lança de força Rhade olhou com ar de condescendência, como se tivesse até pena da ignorância deles.
Mas, como os pobres-coitados iriam saber que a lança de força identifica seu dono pelo DNA, e rejeita quaisquer outros com descargas de segurança ...?
Ah, que arma incrível! ...
E a cara de Harper, coberto de fuligem? Doyle perguntou a ele se aquela geringonça era um "alambique movido a baterias" ou algo assim. Hehehehe!
E foi engraçado ver Doyle e a IA, "discutindo", como se quisessem "medir forças"m entre si ... e estivessem tomadas pelo ciúme. As luzes da grande nave acendiam e apagavam seguidamente, como pisca-pisca de Natal ...
E o olhar de Dylan para o alto, sussurrando que ainda ia conseguir reativar Andromeda ... como se pudesse enxergá-la lá em cima, à espera dele ... foi de arrepiar!

_________________
"Não é assim que as pessoas que se amam fazem ?"(Dylan Hunt)

Myriam Castro

Número de Mensagens : 4767
Idade : 56
Location : Minas Gerais - Brasil
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA - V-08 - So Burn The Untamed Lands

Mensagem  mara em Sab Abr 17, 2010 7:46 am

Ótimos lembretes, Myriam... pobre Harper, alucinando tanto que Rhade teve de nocauteá-lo.
As duas IA realmente deram trabalho...

_________________
No one should never give up, ever! Do what makes you happy, what you are passionate about!

mara

Número de Mensagens : 18928
Location : São Paulo, Brasil
Data de inscrição : 02/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A SAGA - V-08 - So Burn The Untamed Lands

Mensagem  Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 3:43 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum